Os Estados Unidos, seguiram o exemplo do meu velho, que só larga o controle da TV por livre e espontânea pressão; no caso dos americanos a pressão foi da comunidade nacional e internacional, isso inclui algumas acusações do Zuckerberg, o governo norte-americano anunciou ontem que esta pronto para transferir a administração das funções técnicas de Internet para a comunidade global, a National Telecommunications and Information Administration (NTIA) anunciou a intenção de transferir as funções-chave de nomes de domínio da Internet para a comunidade global. Significa dar à Internet Corporation for Assigned Names and Numbers (ICANN) uma administração multissetorial, como pedem outros governos, incluindo o Brasil. Melhor assim né !? Depois dos últimos escândalos de espionagem, confiar no governo americano, que era difícil passou a ser impossível, de qualquer forma foi melhor passar o “controle” do que dar mais explicações convincentes; na verdade não tem nem como explicar muito rsrs ficou mais naquela, “desculpa foi só uma olhadinha”, mas, vamos dar sequencia na noticia.

O atual contrato da ICANN com a NTIA para operar funções-chave de nomes de domínio termina em setembro de 2015. A preocupação dos americanos passa a ser agora que o novo modelo de administração da internet seja livre da influência de qualquer outro governo (tipo já fizemos isso, não vamos cair nessa).
Para dar início ao processo, a ICANN acaba de convocar a comunidade global da Internet para desenvolver uma proposta de transição do atual papel desempenhado pelo NTIA na coordenação do sistema de atribuição de nomes de domínio da Internet (DNS).
Na prática, de acordo com comunicado da ICANN, a IANA, que mantém todas as listas de números usados em protocolo IP (números de protocolos, números de portas, endereçamento…) e controla a raiz do sistema de DNS, deixará de ser supervisionada pelo governo norte-americano.  Agora, cabe à comunidade internacional o processo de globalização das funções da IANA, e das equipes que definem protocolos e tecnologias.

Com o fim do contrato da ICANN com o Departamento de Comércio norte-americano pode-se ate pensar na transferência da sede da entidade para um outro país. Segundo algumas noticias que li, o governo Brasileiro pensa em sugerir a Genebra, a oportunidade para expor essa opinião será durante a Reunião Multissetorial Global sobre o Futuro da Governança da Internet, que será realizada em São Paulo, nos dias 23 e 24 de abril.

 

Oliveira Lima

Oliveira Lima

Oliveira Lima atua na área de segurança da informação há 10 anos, especialista em Pentest, Analise de vulnerabilidades e Hardering. Dedica-se também a pesquisas e analise de malware. Criou o Blog roothc.com.br, com intuito de manter o publico atualizado sobre noticias do mundo Linux e hacking, alem de dividir conhecimentos e propor debates.
Oliveira Lima